the Blender Velvets

Velvet Goldmine – O estilo sempre ganha



Voltar para a home


Introdução ao Velvet Goldmine

Embora seja possível editar vídeos em 2D no Blender sem fazer alterações no programa, você logo perceberá que a tarefa se provará pouco prática. Ainda que os controles estejam ali, o programa acaba parecendo meio duro, e é neste ponto que entram os complementos Blender Velvets.

O Velvet Goldmine busca melhorar a fluidez do processo de edição de vídeos redistribuindo alguns atalhos de teclado para funções já existentes, deixando mais diretos alguns processos que pedem confirmação desnecessária (como apagar faixas na linha do tempo ou salvar o projeto), e criando novas funções para a navegação, manipulação das faixas e da própria linha do tempo.

O Velvet Goldmine vem acompanhado de um novo mapa de atalhos, o Velvet Shortcuts, e foi pensado para ser usado junto com a interface modificada do Blender. Como é um pouco difícil lembrar todas as alterações feitas pelo complemento, esta página vem acompanhada de uma descrição detalhada de todos os atalhos novos e modificados, além de vídeos demonstrando o funcionamento das novas funções.

Como instalar o Velvet Goldmine

Para instalar o Velvet Goldmine com o novo mapa de atalhos, o Velvet Shortcuts, clique no link abaixo para ir para a Área de Downloads do site.



Última atualização dos complementos Aug 27, 2017 Ir para a área de downloads


Uma vez baixado, os arquivos com Velvet Goldmine (velvet_goldmine.py) e com o Velvet Shortcuts (velvet_shortcuts.py) estão dentro de uma pasta zipada, junto com os outros complementos do Blender Velvets. Abra-a como faria com qualquer arquivo .zip e extraia-os para algum lugar de sua preferência (por exemplo, na Área de Trabalho).

Siga as instruções detalhadas de instalação de ambos descritas na seção Como instalar complementos, da página Como configurar o Blender para vídeo.

Velvet Shortcuts – Novo mapa de atalhos

Mudanças de atalhos nativos

O novo mapa de atalhos Velvet Shortcuts, que deve ser usado junto com o Velvet Goldmine, muda alguns dos atalhos nativos do Blender. O objetivo é tornar o programa mais próximo do padrão de outros editores de vídeo.

Atalho nativo Nova função para o atalho nativo
A “A” agora seleciona todas as faixas na linha do tempo
Alt + A “Alt + A” agora desseleciona todas as faixas na linha do tempo
Barra de espaço A “Barra de espaço” agora reproduz o vídeo (animação)
Shift + Alt +
Barra de espaço
“Shift + Alt + Barra de espaço” agora reproduz o vídeo (animação) ao contrário
B “B” – A função de seleção de caixa seleciona o que você quer (a caixa) e descarta o resto
Alt + B “Alt + B” – A função de seleção de caixa soma a nova seleção (a caixa) às faixas já selecionadas
Del “Del” – Apaga sem pedir confirmação. Atalho para MacOS: Fn + Del
Ctrl + G “Ctrl + G” – Faz a meta-strip sem pedir confirmação
Ctrl + S “Ctrl + S” – Salva o arquivo sem pedir confirmação
Shift + R “Shift + R” – Atualiza o Sequencer (limpa o cache da memória RAM)
Botão Esq.
do Mouse
O “Botão esquerdo do Mouse” agora seleciona as faixas que possuem a mesma duração por padrão (áudio + vídeo)
Botão Esq. do Mouse (Linha do Tempo) O “Botão esquerdo do Mouse” na Linha do Tempo agora seleciona todas as faixas à esquerda/direita do cursor
Ctrl + Botão
Esq. do Mouse
“Ctrl + Botão esquerdo do Mouse” seleciona as faixas isoladamente, desconsiderando a ligação por tempo entre elas
Ctrl + Botão
Dir. do Mouse
“Ctrl + Botão direito do Mouse” – ver tudo (equivalente ao atalho “Home”, sem ter de abandonar o Mouse)
Shift + Home “Shift + Home” – Dá zoom para as faixas selecionadas. Criado para suporte a MacOS; atalho no MacOS é Fn + Shift + SetaEsquerda.

Novas funções

Os novos atalhos inseridos pelo complemento Velvet Goldmine são funções além das nativas ao Blender.

Novo atalho Descrição da nova função
Ctrl + P Muda o pan de áudio para 0.0, 1.0 e -1.0 (centro, direita, esquerda) nas faixas selecionadas
W Exibe o desenho da onda sonora nas faixas selecionadas
Alt + W Oculta o desenho da onda sonora nas faixas selecionadas
Ctrl + K Corta as faixas selecionadas e apaga o conteúdo à esquerda
Ctrl + Shift + K Corta as faixas selecionadas, apaga o conteúdo à esquerda, seleciona o restante
Alt + K Corta as faixas selecionadas e apaga o conteúdo à direita
Ctrl + Alt + K Corta as faixas selecionadas, apaga o conteúdo à direita, seleciona o restante
Ctrl + F Cria um fade in (para áudio e/ou vídeo) de 1s ao início da faixa
Alt + F Cria um fade out (para áudio e/ou vídeo) de 1s ao final da faixa
Alt + M Apaga o marcador mais próximo ao cursor
Ctrl + SetaEsquerda Navega com o cursor para o marcador à esquerda
Ctrl + SetaDireita Navega com o cursor para o marcador à direita
Ctrl + Alt + R Varia os valores de porcentagem da Resolução entre 30, 60 e 100
(Pré Blender 2.75: Ctrl + Alt + Shift + R)
Shift + TAB Navega pelas Cenas (Scenes) existentes. Pode não funcionar no MacOS
Ctrl + Shift + F2 Muda para o layout de Animação (Animation). Não funciona no MacOS
Ctrl + Shift + F3 Muda para o layout de Compositing. Não funciona no MacOS
Ctrl + Shift + F4 Muda para o layout de Rastreamento de movimento (Motion Tracking). Não funciona no MacOS
Ctrl + Shift + F1 Muda para o layout de Edição de Vídeo (Video Editing). Não funciona no MacOS
Ctrl + Alt + Shift + C Ajusta as faixas selecionadas para onde o cursor está na Linha do Tempo
Ctrl + Alt + Shift + S Ajusta as faixas selecionadas para o começo da Linha do Tempo
Alt + SetaAcima Move as faixas selecionadas uma trilha (channel) acima
Alt + SetaAbaixo Move as faixas selecionadas uma trilha (channel) abaixo
Ctrl + PgUp Move o cursor para o início/fim da faixa seguinte (Vintage: pré Blender 2.73).
Atalho para MacOS: Fn + Ctrl + SetaAcima
Ctrl + PgDown Move o cursor para o início/fim da faixa anterior (Vintage: pré Blender 2.73).
Atalho para MacOS: Fn + Ctrl + SetaAbaixo
Shift + C Concatena as faixas selecionadas da mesma trilha (channel). Funciona apenas para 1 trilha.
Alt + E Ajusta a Linha do Tempo para terminar junto ao último vídeo
Shift + E Ajusta a Linha do Tempo para terminar onde está o cursor
Shift + Alt + S Ajusta a Linha do Tempo para começar onde está o cursor
Alt + 1 Ajusta a Linha do Tempo para começar no quadro (frame) 1 (Vintage Blender pré 2.77: Alt+S)
Ctrl + Alt + Shift + L Ajusta o início e fim da Linha do Tempo de acordo com as faixas selecionadas
Ctrl + Shift + A Seleciona apenas as faixas que estão dentro da área demarcada como Linha do Tempo
End Alternativa ao Ver Seleção (visão de contexto).
Atalho para MacOS: Fn + RightArrow
Ctrl + Home Aproxima a visualização da Linha do Tempo em cerca de 10s.
Atalho para MacOS: Fn + Ctrl + SetaEsquerda
Ctrl + End; Ctrl + Shift + Botão Dir. do Mouse Afasta a visualização da Linha do Tempo em cerca de 10s.
Atalho para MacOS: Fn + Ctrl + SetaDireita; Ctrl + Shift + Botão Dir. do Mouse
Ctrl + Shift + End Afasta a visualização da Linha do Tempo em cerca de 10s + Eixo Y.
Atalho para MacOS: Fn + Ctrl + Shift + SetaDireita
Shift + Botão Dir. do Mouse Aproxima a visualização da Linha do Tempo para faixas sobre as quais está o cursor